segunda-feira, 31 de maio de 2010

Music and me

Não dá nem pra pensar em falar sobre raiva quando tenho uma segunda opção e esta é a música.
Eu sou simplesmente maluca por música, minha vida gira em torno dela, é minha oração, minha calma, minha ira, minha paixão, meu tesão.
Eu rezo, medito, durmo e faço otras cositas mas também embalada pela música.
O problema é ter q escolher só uma.
Só trechos... Eu gosto de Enya a Lady Gaga, de Caetano a Pinduca.
Mas tem uma música q conheci com Kansas, Scorpions, linkin Park, Sarah Brigthman, Emmerson Nogueira, e com seja mais quem for; e q por mais q o tempo passe como "poeira ao vento", e que tudo passe, ela vai e volta pra minha vida, como se os ventos rodacem em círculos sobre a terra e sempre passassem pelos mesmos lugares. Mas apesar de reconhecê-la a cada volta, ela se mostra sempre tão diferente, momentos e mais momentos, sempre como poeira no vento.

DUST IN THE WIND
(poeira no vento)

I close my eyes, eu fecho meus olhos,
only for a moment, só por um momento,
and the moment's gone. e os momentos se vão.
All my dreams, Todos os meus sonhos,
pass be for my eyes, in curiosity passam diante dos meus olhos curiosamente.
Dust in the wind Poeira ao vento,
All they are is dust in the wind todos eles são como poeira ao vento"

3 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Virge, o problema de poeira no vento é cair um cisco nos ói...

Li Unafraid disse...

kkkkkkk
Deves ter demorado a escolher hein Lori... é muita música (de todo gênero) na tua vida!!!

Lori disse...

Aff, borboleta, q falta de profundidade! kkkkkkkkkkkkkkkk