terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

No Ritimo do Samba

Quem não gosta de samba bom sujeito não é
É ruim da cabeça ou doente do pé
Eu nasci com o samba, no samba me criei
E do danado do samba eu nunca me separei
Dorival Caymmi



O meu coração hoje tem paz
Desilusão ficou pra trás
Eu encontrei um grande amor
Felicidade enfim chegou
Como brilho do luar
Em sintonia com o mar
Nessa viagem de explendor
Meu sonho se realizou
Wanderley Monteiro

É água no mar, é maré cheia ô
mareia ô, mareia
                                                                                   É água no mar...
                                                                                                             (...)
                                                                                                                Um dia morena enfeitada
De rosas e rendas
Abriu seu sorriso moça
E pediu pra dançar.

A noite emprestou as estrelas
Bordadas de prata
E as águas de Amaralina
Eram gotas de luar.
Romildo S. Bastos / Toninho


Sonho meu, sonho meu
Vai buscar que mora longe
Sonho meu
Vai mostrar esta saudade
Sonho meu
Com a sua liberdade
Sonho meu
Ivone Lara e Délcio Carvalho


Não posso ficar nem mais um minuto com você
Sinto muito amor, mas não pode ser
Moro em Jaçanã,
Se eu perder esse trem
Que sai agora as onze horas
Só amanhã de manhã. 
Adoniran Barbosa

Um comentário:

Borboletas nos Olhos disse...

Que delícia passear de canção em canção, rodopiar na memória, balançar o corpo...lindo e animado post!