sábado, 24 de abril de 2010

A falta de saco total para tudo no mundo que nao seja encontrar meu cafofo nao resistiu ao pote da semana. Um, por me lembrar minha infancia, dois, porque nao preciso elaborar muito.

Rumbora:


Apelidos: Aninha, Anita, Analu, Anil, Bleca, Irma.

Signo: Aries.

Cor de calcinha? Cinza (todas as minhas calcinhas - porque mancharam na lavadora de roupas).

Quantidade de velas no teu último aniversário (as do bolo, não as do lado da cama)? 39.

Tatuagens? Piercings? Meu pai nao deixou furarem minhas orelhas no hospital, disse que era coisa de indio. Furei as orelhas com 13 anos. O furo ficou muito baixo e furei de novo alguns anos depois. Uma vez fiz um lagarto de henna na canela em Canoa. Me senti "a" rebelde.

Última vez que ficou bêbado: Ha um ou dois meses? Sei la. Alguem me ajuda nessa resposta?

Já chorou por alguém? Vixe...

Peixe ou carne? Peixe e carne e frango e carneiro e porco e todo tipo de frutos do mar. Jamais seria vegetariana. India, te odeio. E te amo (por outros motivos).

Só dói quando... me esqueco o quao sortuda e abencoada eu sou.

Música preferida? Alegre, pra cima, alto-astral.

Cantor ou cantora? Nao prefiro ninguem, nao sou fa de ninguem, gosto deste(a) ou daquele(a) dependendo do humor.

Som alto ou baixinho? Pra comer, baixinho. Dirigindo, alto, muito alto.

Não vive sem... oxigenio.

Cerveja ou champanhe? Qualquer coisa menos Campari e whisky.

Metade cheio ou metade vazio? Totalmente cheio, transbordando. Sou uma otimista incuravel.

Lençóis de cama lisos ou estampados? Lisos e brancos.

Filme preferido (um por década de vida). Nao tem. Filmes, artistas, cantores, atores nao ocupam um centimetro quadrado de vacuo na minha vida. O que me agrada hoje pode nao me agradar amanha. Tudo isso pra mim eh passatempo que se dissolve quando as luzes se acendem. Nao dedico um fiapo de pensamento/elucubracao depois que os creditos sobem.

Quando penso Coca-Cola eu... penso em nunca mais tomar um gole da maldita e acompanhar minhas refeicoes com vinho tinto. Pro resto da vida. Mas eu nao sou uma mulher de "pro resto da vida", entao...

Nunca mais eu quero... ter que trabalhar com uma coisa que so me da desprazer, stress, doenca. Agora, uma coisa que nao precisava ter feito - mas fiz - e nunca vou repetir: pedir a alguem pra nao me deixar.

Quem dos teus amigos vive mais longe? Aquele que ainda nao conheco.

Quantas vezes você deixa tocar o telefone antes de atender? As pessoas fazem isso, eh? Valha... Eu atendo no tempo que da minha mao chegar no celular e apertar a teclinha.

Pior sentimento do mundo? Alguem me acusar de fazer uma coisa errada que nao fiz.

Melhor sentimento do mundo? "Come here... Let me hug you... (looking into my eyes and saying) Love you grande grande grande"

Pra me mimar, eu... provoco sorrisos.

O que uma pessoa tem que ter/ser para ficar com você? Tem que ser meu Caqui.

O que uma pessoa tem que ter/ser para ganhar seu coração? Tem que ser meu Caqui.

Gosto de homem que... me ama, me diz que to linda mesmo despenteada e com mau halito (acabei de acordar, ne?), que chora vendo filmes, que tem maos capazes, pensamento em 3D, analitico e enxadrista, nao me acorda quando estou dormindo, acredita piamente que minha inteligencia eh um plus e nao uma ameaca e que diz que fulana eh muito, muito mais gorda do que eu.

Qual o primeiro pensamento ao acordar? Qual o último pensamento antes de dormir? No momento? Nossa casa (que ainda nao compramos).

Na hora H, eu... a) grito, b) rio, c) choro d) outro... D.

Se pudesse ser outra pessoa... eu gostaria de ser a Ree Drummond, uma esposa americana no Texas que vive numa fazenda com Marlboro Man (marido) e 4 filhos lindos, so cozinhando, fotografando, jardinando e blogando.

O que você nunca tira? Minha auto-critica. Mas pode ser premio de rifa/bingo/loteria tambem.

Tem maior tesão em... voz. E cheiro.

O que você tem debaixo da cama? Alem da poeira da Borboleta, livros e o netbook.

Qual livro está lendo? "2001 - A Space Odissey" - Asimov, "A Bagagem do Viajante" - Saramago.

Qual livro mais gostou de ler? "A Song of Ice and Fire" - serie de G. R. R. Martin. Excelente, disparado e vai virar serie na HBO. Agora, pra dar a impressao que sou "culta": todos do Marquez, todos do Saramago. Finda a sessao "inteligente", continuo com "O Jogo de Ender" - Orson Scott Card, "Temeraire" - Naomi Novik.

Qual livro mais odiou ler? "A Menina que Roubava Livros" e "Baudolino" - ZZZZzzzzzzZZZZZzzzzzz (nunca terminei nenhum dos dois).

Saudades de... nada. Todo dia eh melhor do que o anterior.

Flor? Sim, muitas, coloridas e frescas.

SBPC? Nao lembrava o que era isso, fui googlar e deu um negocio com pesquisa e ciencia. To fora.

Preferiria não admitir que... julgo as pessoas pela maneira que elas tratam animais e garcons.

Maiores decepções: investir tanto - financeiramente, temporalmente e emocionalmente - em uma profissao totalmente achincalhada pela classe medica e pela sociedade. Como dizia minha avo Julita: "Se arrependimento matasse eu tava de osso branco".

Programas de TV que assistia quando criança: Sitio do Pica-pau Amarelo, Globinho, Daniel Azulay (bem lembrado, Borbs!), Sessao da Tarde.

Programas de TV que assiste atualmente: Nenhum. Nao vejo TV ha uns 5 anos. TV aberta nao assisto ha uns 15.

Dois lugares em que esteve e voltaria: Grecia e Alemanha. Paris eh hors-concours.

Envelhecer é... pedir os oculos emprestados da amiga-irma (so pra descobrir que eles nao servem pra voce), ser extravagante e exigente sem ninguem olhar torto. Eh ver os cabelos brancos aparecendo e batiza-los de acordo com o stress que os causaram. Ficam de estimacao. Eh vestir um maio e expor todas as suas celulites e todas as suas bolinhas nas coxas no pincaro de suas glorias porque nao existe mais a obrigacao de ser perfeita. No mais, pras dores, pra que que servem Voltaren e Tandrilax? Hein? Envelhecer eh o que ha.

Comida favorita: Comfort-food: arroz/feijao/ovo frito com manteiga-da-terra e gema mole, arroz-de-leite/carne assada, macarrao com farofa, pao/manteiga/cafe, rodelas de batata-doce/nata salgadinha/cafe/sonrisal (serio, da uma azia danada).

Sua especialidade na cozinha: Arroz. Sempre soltinho, delicioso.

Restaurante favorito: um restaurante universitario em Wuhan, China, onde comi a m-e-l-h-o-r costelinha de porco dessa e das proximas 12 encarnacoes + um restaurante em Liaoyang, China, onde comi o peixe mais sensacional desse lado da galaxia. O problema eh que nao da pra ir la todo fim-de-semana.

Lugar em que desejaria estar agora: na nossa casa/sitio (que ainda nao existe, mas existira muito em breve), cercada de arvores, a horta no fundo da cozinha, as galinhas se ajeitando pra dormir la no galinheiro.

5 blogs que sempre visito (considerar os 948375 da Borboleta como 1. Se você só visita os 934839 da Borboleta, contar só 1 também! Oura mais!): Nenhum. Eu assino o feed do que me interessa.

4 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Primeiro:desculpa aí a censura, mas puta merda, a pessoa já foi à Grécia e ainda quer ir de novo? Nããã (rsrsrs)
Segundo: Perfeito esse lance aí do envelhecer.
Terceiro: feed pega comentário? senão você não vê algumas coisas legais...
Quarto: sbpc é ótimo, qualquer dia te falo das vantagens deste encontro científico...

Nanica disse...

Em relação ao volume da música também escuto bem altão dirigindo, mas geralmente quando tô sozinha e aí posso cantar gritando. Ouvir música alta e comendo é um inferno! Fiquei com inveja do lugar que tu desejaria estar agora rsrsrs

Borboletas nos Olhos disse...

Nanicaaaaa, cadê você?

Li Unafraid disse...

Totalmente a favor do comment da Nanica!! Mas canto dirigindo qdo não to sozinha e as pessoas dormem do meu lado... alguém tem que fazer essas pessoas sofrerem kkkkk