sábado, 15 de maio de 2010

Muita água neste pote

Pra começar, queria declarar que sou uma muito saudosa miolete recém chegada das terras gélidas, salva. Sã, já não posso dizer: me encheram de mimos, voltei toda besta, além do que, foi muita skol pra amolecer meus miolos!
Em segundo lugar, gostaria de indicar que, em, menos de três meses de pote, este é o post número 100! Vejam quanta água cabe neste pote sem fundo.
Bom, quanto ao pote da Joie, ele é muito pertinente, dadas as recentes discussões presenciais entre algumas de nós (cof, cof - eu disse que tô toda besta, toda me achando...).

Bom, então vamos lá. O que faz minha língua travar... Rapaz, ói, se tem uma coisa que trava minha língua ver ferrolho, é quando eu tô agoniada com alguma coisa. Fico aperreadinha, sem saber o que dizer. Nã.
Tem também os três tigres tristes. Travam minha língua, além do que fico com uma pena dos bixin... Olha a carinha deles, tendo que comer um prato de trigo. Nã.


Ah e, nunca tentei, mas certamente o que travaria minha língua seria um nó bem arrochado nela.

7 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Não sei se é a água, a quintura ou a companhia, mas a pessoa passa por aqui e já toma novo gosto por esse negócio de blog, né não? Quem te viu, quem te vê , Nanica...Fez um bem danado - senão em conteúdo, que sempre foi inspirado - em rapidez. Deus te guarde, kkkk

Lica disse...

os três tigres parecem bem felizes com os pratos de trigo...

Nanica disse...

Borboleta: adorei o "quintura", "Deus te guarde" kkk
Lica, mulher, tu num tá vendo não, os bixin tão até com medo do trigo. E o de cima tá até chorando. Oôôô...

Borboletas nos Olhos disse...

Vai ver a Lica acha que eles estão chorando de felicidade...

Lica disse...

pra mim ele tava tão feliz que tava mostrando os dentes...

Joie disse...

eu quero o que vcs tomaram!!!
não achei nada de trigo, chorando ou felicidade...
achei até que o pobre estivesse num tédio danado.

Lori disse...

Ahhhhh!!!!!!!!
Eu amei os tigrinhos. Só faltaram os marfagafinhos, q marfagafaram num sei q mais lá. kkkkkkkkk